Prefeitura de Porto Alegre libera funcionamento controlado de indústrias

LEI Nº 13.988, DE 14 DE ABRIL DE 2020
14 de abril de 2020
Decreto de Liberação das Indústrias
28 de abril de 2020

Prefeitura de Porto Alegre libera funcionamento controlado de indústrias

Prefeitura de Porto Alegre libera funcionamento controlado de indústrias

Decreto municipal liberou atividade industrial em Porto Alegre —

Em decreto publicado na edição extra do Diário Oficial de Porto Alegre, a prefeitura autorizou a retomada da atividade do setor industrial da Capital, a partir desta sexta-feira (24).

Confira o novo decreto do Executivo municipal.
As restrições aos demais setores econômicos, como o comércio, ficam mantidas, até o dia 30 de abril, conforme a prefeitura.

As empresas terão que adotar medidas de segurança, higiene e distanciamento para evitar a disseminação do coronavírus. O decreto deda o início da jornada entre 6h e 9h, e o fim entre 16h30 e 18h30, para evitar horários de pico do transporte coletivo.

Também fica limitada a circulação de trabalhadores na entrada e saída da jornada, bem como de outros públicos das empresas. Devem ser liberados, de forma controlada, somente fornecedores essenciais.

A empresa terá que monitorar a temperatura corporal e os sintomas gripais dos trabalhadores, além de fornecer máscaras e álcool em gel.

As medidas buscam manter o controle dos impactos da disseminação do vírus, monitorar a pressão no sistema de saúde e iniciar a reativação da economia.

“É importante que a população entenda que a flexibilização das restrições está condicionada à evolução da pandemia e pode, a qualquer momento, voltar aos patamares anteriores de isolamento social, caso haja indicativos de aumento da saturação das estruturas hospitalares”, afirma o prefeito Nelson Marchezan Júnior.

Nesta semana, a prefeitura liberou as atividades da construção civil, com base no achatamento da curva de internações em UTIs pela Covid-19 na Capital.

Conforme dados da Saúde, até a noite desta sexta, a Capital tinha 34 pacientes em UTIs confirmados com coronavírus. O pico foi de 43 em 10 de abril. Conforme a Secretaria Estadual de Saúde, são 420 casos de coronavírus.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Solicite seu Diagnóstico