Márcio Pasin Almeida, consultor da CA5 Assessoria Empresarial realiza a palestra ?PLANO DE NEGÓCIOS PARA HOLDING FAMILIAR? na Faculdade Dom Bosco no dia 26 de março de 2018.

Faculdade Brasileira de Tributação participa da reunião semanal com os advogados da Mazzardo & Coelho
28 de fevereiro de 2018
Paulo Mazzardo, ministrará aulas no Curso de Especialização em Direito Societário, sobre o tema Estruturação de Sociedades: Casos Práticos, na Faculdade Brasileira de Tributação
3 de abril de 2018

Márcio Pasin Almeida, consultor da CA5 Assessoria Empresarial realiza a palestra ?PLANO DE NEGÓCIOS PARA HOLDING FAMILIAR? na Faculdade Dom Bosco no dia 26 de março de 2018.

PLANO DE NEGÓCIOS PARA UMA HOLDING FAMILIAR 26 de março – 18h10min
Local: Faculdade Dom Bosco – Sala 203
R. Mal. José Inácio da Silva, 355 – Passo d’Areia, Porto Alegre – RS
Entrada gratuita Márcio Pasin Almeida, consultor da CA5 Assessoria Empresarial realiza a palestra “PLANO DE NEGÓCIOS PARA HOLDING FAMILIAR” na Faculdade Dom Bosco no dia 26 de março de 2018.
A holding familiar tem sido um dos importantes instrumentos quanto à proteção de bens e também por ser considerada uma boa estratégia de planejamento sucessório e patrimonial. Mas o que é uma holding familiar? Quais são os benefícios desse tipo de figura societária? Continue a leitura e saiba mais! O QUE É UMA HOLDING FAMILIAR?
É uma sociedade que tem como objeto social a participação em outras empresas e/ou sociedades. É importante destacar que a legislação brasileira admite a constituição de holdings, prevista na Lei das Sociedades Anônimas. Uma holding pode ser utilizada por famílias empresárias ou não. Nos grupos familiares que não mantêm atividade empresarial, a holding se destaca como uma ferramenta de gestão, administração, organização e, eventualmente, divisão do patrimônio familiar. Já nos casos de grupos familiares que exercem atividade empresária, além da organização do patrimônio, a criação de uma holding pode ser utilizada para uma melhor organização e criação de estruturas centralizadas e também para facilitar eventuais rateios de despesas das atividades operacionais. PARA QUE SERVE?
O que caracteriza uma holding familiar é o fato de a gestão dos negócios ser realizada pelos membros de uma mesma família — não se tratando de uma figura jurídica exclusiva. De maneira geral, uma holding familiar oferece aos administradores a possibilidade de dividir a participação dos negócios da empresa entre os herdeiros da família, garantindo a segurança jurídica e fiscal para a continuidade do empreendimento. QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS DA HOLDING FAMILIAR?
O grande benefício da constituição de uma holding familiar é a segurança patrimonial do investimento. Ou seja, a prática elimina uma série de processos burocráticos, principalmente em casos de falecimento de um dos sócios, e ainda gera economia tributária. Vejamos alguns benefícios da adoção da holding familiar aos negócios: PLANEJAMENTO DA SUCESSÃO PATRIMONIAL
A holding familiar requer um bom planejamento de sucessão visando a proteção patrimonial. Isso porque existem casos em que a sucessão já foi iniciada, com a participação dos filhos mais afeitos nos negócios, enquanto em outros casos os patriarcas pensam em iniciar, mas não sabem como; e há ainda aqueles casos em que os envolvidos sequer pensam a respeito. Embora não exista uma receita ou fórmula mágica a ser seguida, o sucesso da criação de uma sociedade tipo holding está diretamente ligada à organização e suas formalidades, seja na estrutura societária, nas regras de sucessão ou nos aspectos de proteção patrimonial. O processo de planejamento sucessório pode ser considerado uma das fases mais sensíveis para a sobrevivência de uma empresa familiar, podendo comprometer a continuidade dos negócios. É fundamental contar com ajuda especializada no processo de planejamento da sucessão familiar, de forma a identificar se realmente este tipo de sociedade é vantajosa para o empreendedor. PROTEÇÃO PATRIMONIAL
Um dos benefícios da adoção de holding familiar é que o patrimônio não se confunde com o de seus sócios. Para alcançar o dos sócios nas sociedades holding é necessário instaurar um incidente processual. Outra vantagem é que o patrimônio empresarial não é afetado no caso de possíveis demandas judiciais — a não ser, por exemplo, nos casos de fraude ou abuso de personalidade jurídica, caracterizado como confusão patrimonial. VANTAGENS TRIBUTÁRIAS
As vantagens da holding familiar são relevantes não apenas por se tratar de uma sociedade menos onerosa, do ponto de vista fiscal, mas sobretudo da importância de planejar a sucessão em vida para o bom andamento dos negócios no futuro. Quando bem aplicadas, as holdings representam um importante mecanismo de organização e planejamento societário, fiscal e de proteção patrimonial. A primeira vantagem tributária são os valores de integralização. Ou seja, os bens integralizados pelas pessoas físicas nas holdings podem ser transferidos pelo valor declarado no Imposto de Renda do ano vigente ou levando em consideração o valor de mercado. Vale destacar que a constituição de uma holding familiar elimina a necessidade de escritura de partilha ou mesmo ação judicial, reduzindo consequentemente o custo para quem herda o patrimônio. Participe da palestra e saiba mais sobre o assunto.
Informações: comercial@ca5.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Solicite seu Diagnóstico